Proximo Porto - Montevideu



Montevidéu – se nos tempos coevos a cidade conta na sua área metropolitana com 1.668.335 habitantes teve como população pristina 34 pessoas, contando com todos, homens, mulheres e até mesmo crianças. Foram eles os que formaram o núcleo da futura vila que tinha o objectivo de manter as tropas portuguesas de Manuel de Freitas da Fonseca fora do Rio da Prata. É irónico, devido ao número, o modo que encontraram para fazer frente aos militares da vetusta fortificação fundada pelo Mestre de Campo Don Manuel de Freytas da Fonseca, português, em 22 Novembro de 1723 mas foi assim que nasceu a maior cidade do Uruguai, uma das 30 mais seguras do mundo e a que tem a maior qualidade de vida da América Latina. Se quisesse-mos abranger a área da toponímia iríamos ver que a origem do nome da cidade vem da abreviatura de "Monte VI de Este a Oeste", e que mais facilmente se lê "Monte VI-D-E-O". Mas como não iremos abranger tal área creio que é justo galardão mencionar o navegador português Fernão de Magalhães que além de ter descoberto estas paragens planeou e comandou a expedição marítima que efectuou a primeira viagem de circum-navegação da história e que passados tantos séculos a “Sagres”, pela 3ª vez sulca com semelhante magnanimidade. Infelizmente Magalhães não completou a viagem ao perder em combate a vida nas Filipinas, sendo substituído pelo seu Imediato, Juan Sebastián de Elcano. Actualmente o Navio Escola da Coroa Espanhola que também participa na regata “Velas SudAmérica”recebe o nome deste navegador glorificando assim a memória do homem, do marinheiro que navegou com Magalhães. Entre vários ilustres de renome mundial Montevidéu foi visitada por Charles Darwin em Abril de 1833 e em 1930 recebeu a primeira Copa do Mundo de Futebol realizada pela FIFA.
Durante a 2ª guerra mundial o Comandante do couraçado de bolso Graf Spee que tinha sido enviado para águas a sul do Equador pelo 3º Reich com ordens de actuar como navio corsário, viu-se encurralado após combate, ao largo de Montevidéu por 3 navios de Sua Majestade, o Her Majesty Ship “Ajax”, o H.M.S. “Achilles” e o H.M.S. “Exeter”. Com o navio danificado, em inferioridade numérica e com ordens directas de Hitler para não deixar a unidade naval cair nas mãos dos aliados, Langsdorff fez desembarcar a sua tripulação, e afundou o couraçado com explosivos. Alguns dias mais tarde o Comandante suicidou-se sendo o seu corpo descoberto com a bandeira nazi a servir-lhe de sudário.
Uma inesperada surpresa para os 260 milhões de parlantes do idioma Luso é que devido às muitas crianças que estudam nas escolas de fronteira com o Brasil e para as quais o espanhol funciona como uma língua secundária, o português passou a ser disciplina obrigatória para os estudantes uruguaios, que frequentem o 6ª ano de escolaridade desde 2007. É agradável ouvir estas novidades não é? Um dos locais a visitar é o Mercado del Puerto, “best parrilladas, great atmosphere and great prices”, um conforto para a alma e para o corpo heim? E se não lhe agradar peça um mui lauto Chivito, acompanhado por um doce de leite, garanto-lhe que não fica com fome. Montevidéu está dividido em 58 bairros, distritos, zonas diferentes mas um que é obrigatório visitar é Ciudad Vieja, pode-se andar durante dias pelas calçadas desta zona da cidade e ainda assim descobrir algo de novo e a existência de vários cafés históricos permite-lhe sobrestar um pouco o passeio e admirar todo o seu entorno. Se pensar que não consegue percorrer as ruas da cidade a pé, ou não lhe apetecer, alugue uma bicicleta e/ou se chamar um táxi escolha os pretos com capota amarela, que são os mais baratos. Locais de diversão nocturna não faltam, tipo 6 casinos e um interminável número de bares são algumas das ofertas que pode encontrar para gastar uns cobres, afinal Montevidéu recebe cerca de 500 mil turistas por ano.
E ao caminharem por esta bela cidade façam-no com merecido orgulho, pois se a “Sagres” é o mais belo navio atracado no porto, por sua vez a Colonia del Sacramento é o mais antigo assentamento europeu no Uruguai e foi fundada pelos Portugueses em Janeiro de 1680.

Um grande abraço a toda a guarnição.
ex Mar “L” Armando Moreno
(L5)
armo900@gmail.com

Diário de bordo - 39º Dia 27 Fevereiro 2010

39º Dia de viagem
26 de Fev. 21:30
Algures entre Argentina e Uruguai.


Hoje acordamos mais cedo devido ao aprontar do navio para navegar, eram 06:00 quando apitou a alvorada, desmonta-se a iluminação de gala, arreia-se as vergas, bracea-se etc... é chamado o mestre á ponte, mestre Meireles apita a faina geral as 08:15, o navio ruma a um novo país (Uruguai), a uma nova cidade (Montevideu). Deixamos para trás Mar del Plata, uma cidade que excedeu todas as expectativas, cidade essa toda virada para o turismo (5 milhões de Argentinos passam por aqui durante o ano) com um certo espírito boemio, o calor e a simpatia que os habitantes nos transmitiam contraria com o frio que se fazia sentir na zona, algo invulgar para a época em que nos encontramos.
Sabiamos que o dia hoje iria ser de largada fora do normal, devido ao desfile naval, no qual participaram todos os veleiros envolvidos na regata Sudamérica 2010, desde 08:15 que apitou a faina geral, permanecemos em faina geral de mastros até as 18:00 com intervalos para o almoço, neste período prestamos honras militares (vivós) aos chefes de estado da Argentina e Chile.

Despeço-me com especial mensagem dos marujos do mastro grande para a mãe do nosso camarada Manuel Silva de Famalicão desejando um feliz aniversário.
PARABENS Dona Conceição ...........


Solidários com a Madeira ...

video

Soubemos que a Madeira sofreu uma catástrofe natural terrível, deve neste momento Portugal inteiro voltar-se para a Madeira e ajudá-los.
Foi para nós um privilégio que a Madeira tenha sido o primeiro local de passagem desta nossa viagem.
Aqui vos deixo um video desse momento, manifestando a nossa total solidariedade para com a Madeira.
Um forte abraço.

Diário de bordo - 35º Dia 22 Fevereiro 2010



35º Dia de viagem
22 de Fevereiro, são 16:00
Posição: 36º18.73 S
53º55.69 W
Rumo: 210
Velocidade 7.6 nós a navegar a vela
Vento a entrar pela alheta de bombordo força 6 vagas de 3 metros
Faltam 200 Milhas para chegarmos a Mar Del Plata


Mais uma noite de mineirada (estamos de quarto das 00:00 ás 08:00), os quartos cada vez são mais exigentes, devido ás condições atmosféricas que se fazem sentir nestas latitudes.
Á dois dias atrás recebemos uma noticia que nos deixou bastante abalados e mesmo receosos, o navio "Concordia" que connosco participava na Regata SUDAMÉRICA foi ao fundo, não sabemos o motivo para tal ter acontecido, sabemos que toda a sua tripulação felizmente se encontra bem, deixo aqui um abraço de solidariedade desta guarniçao, o naufragio aconteceu a 300 m da costa Brasileira.
Nós por aqui navegamos a todo o pano (excepto as cristas) e o joanete do traquete que tem um pequeno rasgo, no qual o pessoal se encontra atarefado a reparar.
Já se fazem sentir os ventos frescos do sul, pelo que se adivinha uma regata muito
trabalhosa "por mares nunca antes navegados" por esta barca.
A dois dias de atracarmos o entusiasmo já se faz notar nos rostos da marujada, Mar Del Plata é o proximo chão firme que pisaremos.

Algumas curiosidades desde que partimos da nossa saudosa LISBOA :

22 de Fev ás 00:00
Milhas a vela: 1819
Milhas a motor: 3584
Total de milhas: 5403
Horas de navegação a motor: 415.28
Horas de navegação á vela: 273.52
Horas de navegação : 680.20


Aqui vos deixo mais um video, para mais tarde recordar ...
Grande abraço e muito obrigado por nos acompanharem nesta viagem .

Diário de bordo - 32º Dia 19 Fevereiro 2010


32º Dia de viagem

São agora 01:30 da manhã do dia 19 de Fevereiro, navegamos com a posição 26º 45'95 S, 44º21'25 W, rumo 235, a uma velocidade 11,5 nós, sendo a velocidade do vento de 27nós, entrando pelo través de BB (bombordo), navegamos com o pano todo, excepto as cristas (giba, sobres, entre-mastros altos e gave-tope), estamos braceados a EB (estibordo) 2,5 quartas, preparados para carregar os joanetes se por momento a força do vento aumentar.
O navio balança devido á ondulação que se faz sentir, batendo tambem pelo través, o que dificulta o descanso de todos nós, á alturas em que isto não é nada fácil.
São 03:30 da manhã o contra-mestre apita a quarto, deparamo-nos com a escota de EB do joanete do mastro grande desmanilhada, pensamos o pior devido á força do vento, (no meu pensamento como gajeiro de quarto do mastro grande pensei que o aparelho se tinha partido), mas a situação acabou por se resolver com relativa facilidade e até ao fim do nosso quarto (08:00) não se passou mais nada de anormal ao serviço.
Hoje pela manhã a chuva fez-nos uma visita inesperada, mas muito bem vinda , tornando o tempo mais fresco, depois de alguns dias de calor por vezes insuportável.
Desde que partimos de Lisboa no dia 19 de janeiro, já navegámos 4751 milhas (9206 km), e vamos com 615 Horas de navegação.
Despeço-me com forte abraço a todos...

1ª Tirada Lisboa - Recife

Aqui ficam algumas fotos e videos da 1ª tirada Lisboa - Recife colocarei mais num proximo post. Um abraço ...


Dia de S.Valentim ...


14 de Fevereiro 2010
27º dia de missão, domingo são 10:30
Posição: 13º43'33 S
37º38'67 W
Velocidade: 9 nós
Rumo: 230
Temperatura da água:27º
Temperatura do ar: 28º


Hoje é dia dos namorados, não podia deixar passar este dia sem deixar umas palavras muito especiais a todas as esposas e namoradas dos elementos desta guarnição, vocês são as melhores mulheres do mundo, e em especial para a minha
Isabel "adoro-te". A saudade aperta, é nestes dias que sentimos uma grande nostalgia...
O Brasil já ficou para trás, com muita pena nossa, deviamos ter ficado mais uns dias, pois só agora me apercebi porque é que este povo fala tanto no carnaval, deve ser sem dúvida uma das maiores festas do mundo, uma verdadeira loucura (quero voltar cá no carnaval), mas o dever chama por nós e temos que chegar a Mar del Plata (Argentina) no dia 24 de Fevereiro.
Argentina terra do tango do bom vinho e da boa carne, acho que me vou dar bem por estas paragens, e claro a terra do grande Maradona que na minha opinião foi sem dúvida o melhor futebolista de sempre.

Um Grande abraço a todos ...

Próximo Porto - Mar Del Plata



Mar del Plata – (Mar da Prata) Nem sempre os erros têm um nome. Mas em Mar Del Plata esse equivoco deu origem ao próprio nome da cidade. Em 1526, Sebastião Caboto, após entrar em contacto com os locais ao explorar o estuário do Rio Uruguai constatou que os mesmos se adornavam de prata. Este facto levou o navegador veneziano a fantasiar com o reconhecimento e favores junto da Coroa espanhola graças aos opíparos carregamentos do precioso metal que, supunha, jaziam nestas paragens. Passou de imediato a referir-se a essa zona como "rioplatense". O que il Signore Sebastião não sabia era que esta prata era remanescente da passagem da expedição de um homónimo seu, o português também ao serviço de Espanha, Aleixo Garcia. O que é certo é que o acto irreflectido por parte do navegador deu origem a nome de cidade e, décadas mais tarde quando o poeta Miguel del Barco Centenera no seu histórico poema, La Argentina o la conquista del Río de la Plata, fez uso da palavra latina que significa prata, Argentum, referindo-se ao que hodiernamente é o segundo maior país da América do Sul, gravou pelo seu punho nas páginas da história, o nome da nação, onde nas suas mais veladas salas se dança o tango, onde confluem harmoniosamente os europeus usos e costumes com as indígenas tradições dos Quechua, das pistas que forjaram o penta campeão Juan Manuel Fangio ao mundo do futebol que viu nascer El Barrilete.
" - Só me casarei com um príncipe ou um presidente". Perguntam alguns intrigados: “ - Mas o que é que isto tem a ver com Mar da Prata? ” Porque foi dito por uma Dama de ouro para os que nasceram em “Argentum”. Maria Eva Duarte de Perón, Evita. Ainda que possa parecer fora de contexto, Evita vive ainda enquanto mito em todos os recantos da Argentina e acaba por ser um justo laurel mencionar aqui, a Maria dos Argentinos que tal como Cristo deixou este mundo aos 33 anos e que foi Senhora da Casa Rosada e ídolo dos descamisados.
Por tudo isto e muito mais que vocês vão ter oportunidade de fruir, “Bienvenidos a Argentina Caballeros”.
Mar del Plata, tem uma população, 600 000, um pouco superior à de Lisboa, 489 563. A cidade foi fundada em 1847 e tem uma das melhores infra-estruturas hoteleiras de todo o país. Dista 404 km da capital, Buenos Aires é um dos maiores portos de pesca da Argentina e a mais importante estância balnear deste país com mais de 17kms de praias. E sintam-se gratos por visitarem esta cidade de verão pois na estação antagónica as praias recebem as suas simpáticas mascotes, os leões-marinhos que se instalam prazenteiramente, como donos que são, destas costas.
O verão pode ser uma estação de extremos que pode levar a diferenças de temperaturas entre os 40°C durante o dia e à noite descer significativamente graças aos ventos que vêm do Oceano Atlântico. Um casaquinho à noite pode fazer a diferença.
Para quem sinta que o subsidio de embarque lhe está a pesar nos bolsos pode sempre prestar uma visita ao Casino Central, uma construção à beira-mar que é difícil de não dar se com ela de tão gigantesca e massiva que é. Podem sempre aproveitar a ida ao casino para um passeio pela Praia Central, as outras são: Municipal; Popular - Muelle Club de Pesca; Bristol (Punta Piedra); Playa Varese (Cabo Corrientes); Chica; Grande do Porto; Punta Mogotes; Centro; Faro; Perla Norte; Sul; La Perla (Punta Iglesias). Esta última teve em tempos idos um porto, Laguna de los Padres, sendo o primeiro a dirigir diligências no mesmo o Lusitano Cavaleiro Don Coelho de Meyrelles.
A vida nocturna tem um horário muito flexível, digamos muito Ibérico. À meia-noite há transeuntes na rua. Não se esqueçam que Mar del Plata recebe mais de um milhão de turistas por ano, sendo a sua maior afluência no verão. Acreditando nos sites de turismo, opções gastronómicas não faltam e a comida não é ora tão cara como se supõe. Mas atenção, não façam como um ex Mar ”L” que eu conheço fez num restaurante na Dinamarca e que lhe saiu bastante caro. Consultem primeiro as ementas e os preços e no caso de serem extorquidos não me apontem o dedo afirmando que a culpa é do gajo que escreve cenas no blog.
Mar del Plata nos tempos áureos da 7ª arte foi um verdadeiro alfobre de cinéfilos, somando um total de 60 salas de cinema, e recebe desde 1954, em Março o Festival Internacional de Cinema de Mar del Plata.
Outros lugares onde não devem deixar de marcar presença são, o centro histórico e apreciar a sua arquitectura antiga, a Catedral dos Santos Pedro e Cecilia, Praza San Martín, Teatro Colón, Palácio Municipal, Palácio Árabe, Rua San Martín e o Grande Farol são pontos de interesse cultural. Para descontrair podem sempre ir visitar os mais antigos amigos que o marujo pode ter no Aquário Central num dos muitos shows com golfinhos que aqui são apresentados. Mas a coisa não fica por aqui, os mais ousados têm oportunidade de mergulhar por entre mais de 1 500 peixes de 20 espécies diferentes, desde as selectas raias, às lindas tartarugas e aos temíveis tubarões, tudo isto num tanque de água de mar especialmente aclimatado e ambientado com distintos cenários submarinos. No caso de estarem interessados o site do aquário é:
http://www.aquariummardelplata.com/interactivas_bucear_peces.php

Que lo pasen bien

A informação escrita contida neste post é da autoria do camarada
Ex MAR "L" Armando Moreno
Contacto - armo900@gmail.com
O meu muito obrigado pelo seu contributo.

A disfrutar do Recife ...


E viva o descanso... merecido.

Recife
Terça-Feira, 09 Fevereiro

Mais um dia que passa, aproveitámos o clima bem quente do recife para descomprimir e recarregar baterias para mais duas semanas de mar rumo a Mar Del Plata (Argentina).
Hoje fomos a Porto Galinhas dar uns mergulhos nas suas águas tépidas, fica a 70km do Recife.
Depois de um longo dia de sol, palmeiras e banhos nestas deliciosas águas , e de regresso ao Recife , disfrutámos de um belo Rodizio, como devem calcular refeição muito tradicional por estas paragens, "sal e Brasa" um restaurante a fixar pela qualidade das tradicionais carnes e pela simpatia do pessoal, depois para ajudar na digestão, um passeio pelo famoso "calçadão" da praia da Boa Viagem, local muito agradável para passar um final de dia.
Estamos a chegar ao fim da primeira pausa (para descanso dos Guerreiros),Sexta-Feira dia 12 já vamos ao encontro de outros Veleiros, para dar inicio á nossa participação na regata Sudamérica.
Não podia terminar sem mencionar a grande vitória do meu Glorioso Benfica, 1-4 sobre o eterno rival Sporting, isto porque por coincidencia tambem se diputou hoje um derby
entre a marujada do Benfica e do Sporting e mais uma vez o Benfica ganhou por 2-1, com muito desportivismo á mistura.
Aqui vos deixo algumas fotos do nosso dia de convivio e descanso.
Brevemente colocarei fotos e videos da primeira parte da nossa viagem(Lisboa-Recife).
Um abraço a todos .

O MEU JULGAMENTO NO REI DOS MARES


JUÍZ:

- Guarda deste tribunal, apresente-se o próximo réu,
sente-se.

ACUSAÇÃO:

1-Este rechonchudo bacaro é acusado de ter feito
petisqueiras com truta, salmão e lampreia do Rio Minho,
sendo estas iguarias pertences do Reino de Neptuno.
2-Criou um Blog pessoal e divulgou-o a toda a guarnição
desta Barcoita, fazendo concorrencia á Santa Casa.
3-É um grande gabarolas, o que só por si é crime suficiente
para ser punido com as mais elevadas penas.

JUIZ:

- Tem a palavra a defesa.

DEFESA:

1-Meretíssimo Juiz todos estes peixes foram apanhados com
malha legal.
2-Eu próprio fui convidado a provar tão deliciosas iguarias.
3-Se o meu cliente for condenado que cumpra a pena em
serviços para a comunidade. Que não se perca tão bom
cozinheiro.

PENA:

2 Caixas da marca da Barca
1 Garrafa de malte existente a bordo
Passagem no barbeiro
Passagem pelo engraxador
2 Beijos no Santo Hilário, e pede a benção ao Bispo
1 Beijinho na Ninfa podendo passar a mão na coxa
devidamente autorizado pelo Rei Neptuno
4 Bolinhas nas águas do Todo-Poderoso Rei Neptuno

Proximo porto - Recife


Recife, a verdadeira acepção da palavra desta que é a Capital do Estado de Pernambuco provém da grande barreira rochosa de arenito (recifes) que se estende por toda a sua costa, formando piscinas naturais. A temperatura média anual são uns calientes 25°C.
A cidade que outrora foi motivo de testilha devido à invasão da Companhia das Índias Ocidentais, é hoje um moderno município com 1.561.659 habitantes e cuja região metropolitana almeja os 4 milhões, com uns destacados 3,73 milhões de residentes. A estes números devemos acrescentar o estatuto que recebe o Aeroporto Internacional do Recife que foi eleito o 5º melhor do mundo pelas companhias de navegação aérea, uma frota de transportes públicos com uns significativos 5 029 autocarros, 429 dos quais estão adaptados a cidadãos com dificuldades motoras e uma eficiente rede de metro que transporta diariamente cerca de 210 mil passageiros. São estes osvalores, mais que suficientes, pelos quais os paisanos do Recife consideram a sua cidade o portão de entrada do litoral de Pernambuco de onde partem os turistas que chegam quer pelo ar quer pelo mar.
Tal como em muitas outras cidades do mundo dirão Vós! Pois, direi eu, mas em questão de transportes e comunicação com o mundo, os Recifenses vão ao ponto de conservar uma das poucas estações de atracagem de dirigíveis do mundo na sua estrutura original, a Torre do Zeppelin!!! À pois é bebé, remato eu, a Torre Zeppelin recebeu em 1930 o LZ Graf Zeppelin na que foi a primeira viagem de um dirigível (non-stop) ao Brasil.
Para gáudio de muitos e assombro de outros o gentio do Recife confere-lhe o epíteto de a “Veneza Brasileira” devido à confluência dos rios Beberibe e Capibaribe e pelos braços do Tejipió do Jaboatão e do Pirapama que lhe confere uma semelhança fluvial, eu diria romântica, à cidade dos Doges. Casual afirmam uns, ou não indefiro eu, mas o que de facto é causal é que o Recife está geminado com a portuguesa cidade do Porto e os processos de geminação com Luanda e com Maputo, esse Lourenço Marques que foi berço da minha mãe do meu avô e onde o meu bisavô foi colono, estão em andamento. Sim causal afianço, pois se é verdade que a pena vence a espada é sem dúvida veras que o apelo do sangue Luso, a empatia causada pelos nossos avoengos, a forma como promoveram a interacção por um que foi outrora Império, continua vivo pelo mundo e recomenda-se, com uma identidade muito própria mas demonstrando muito bem a orientação genealógica que o intercâmbio destes mecanismos protocolares permitem alcançar.
Um dos locais que talvez devam visitar é A Capela Dourada, esta capela da Ordem Franciscana está localizada dentro do complexo de edifícios do Convento e Igreja de Santo António, e que inclui também o Museu Franciscano de Arte Sacra. Outro ponto de interesse talvez seja o Marco Zero, local onde o Recife nasceu.
E quando se cansar de dizer chopinho, sorvete e tratar os locais por você, uma ida ao Clube Português do Recife, que celebrou no passado mês de Dezembro as Bodas de Diamante, pode levá-los ao encontro de uma agradável Tertúlia cujo desfecho só vocês estão autorizados a grafar.

Dados: CLUBE PORTUGUÊS DO RECIFE
Av. Rosa e Silva, 172- Graças - Cep: 52020-220
Tel: 81-3207-5400 / 3231.5400 - Fax: 81-3231.5947 / E-mail: portugues@nlink.com.br

Meus Senhores, a divisa do Recife é Ut luceat omnibus, que significa "Luz a brilhar para todos", espero que essa máxima se cumpra. Divirtam-se s.f.f.

A informação escrita contida neste post é da autoria do camarada
Ex MAR "L" Armando Moreno
Contacto - armo900@gmail.com
O meu muito obrigado pelo seu contributo.

Diário de bordo - 16º Dia 03 Fevereiro 2010


São 21:30h do dia 03 Fevereiro de 2010.
Encontramo-nos algures no Oceano Atlantico no hemisfério sul rumo ao Brasil Continua muito calor, navegamos á vela o vento tem estado de feição, a velocidade é de 6 nós.
Ontem atingimos a latitude 00º00'00, sinal que passámos a linha imaginária do equador deixamos de estar no hemisfério norte e passamos a estar no hemisfério sul, a minha primeira vez...
Eram 22:26h do dia 02 Fevereiro quando passámos a linha do equador, o grumete MS Silva (Famalicão) como mais marreta, foi-se colocar Á proa do navio com uma tesoura, a fim de cortar a linha imaginária. Dá-se inicio ás festividades do Rei dos Mares.
Hoje 03 Fevereiro foi dia do julgamento, todos os elementos da guarnição que pela primeira vez passam o equador, irão ser presentes a um juíz onde lhes serão feitas acusações, é assim a festa do Rei dos Mares, de grande tradição dos marinheiros Portugueses tendo este cenário algumas personagens ao qual passo a descrever, Rei Neptuno (Sarg. Gouveia), Almirante (cabo Eusébio) Oficial ás Ordens (Mestre Teixeira), Bispo (Mestre Marques), Ninfa (2ºMar. Silva), Diabo (1ºMar. Duarte), Engraxador (cabo Amador), Barbeiro (1ºMar. Santos), Guardas (1ºMar. Belo, Silva, Cavaco,Gomes) Escravos (2ºMar. Fonseca, Galindro, Ferreira) Carrascos (cabos Farinha, Santos, Mar. Faustino, Bailote) e por fim o Juíz (sarg.Silva) e os advogados de defesa e acusação (Sarg. Coelho, Ferreira), todas estas personagens vêm a bordo do navio.
Dá-se inicio ao julgamento...
Depois de lida a sentença, o julgado, tem que passar pelo barbeiro, pelo engraxador e pelo Bispo onde tem de beijar o Santo Hilário, pede a benção ao Rei Neptuno e beija a Ninfa, por fim irá ao baptismo na piscina, onde estão os carráscos á sua espera, isto tudo com muita farinha pelo ar. As festividades irão ser concluídas amanhã com um jantar convivio para toda a guarnição.
São momentos como este que hoje vivi, que me leva a gostar tanto desta barca, é um previlégio, uma honra, fazer parte da guarnição do Navio Escola Sagres....

Diário de bordo - 13º Dia 31 Janeiro 2010


31 de Janeiro de 2010, 20:30h
Posição:04º06'51 N
25º12'47 W
Rumo: 185
Velocidade: 9,7 Nós
Temperatura do ar: 29º
Temperatura do mar: 27º
Vento: Fraco (aragens)

13º dia de viagem, hoje é domingo, como todos os domingos foi um dia calmo, muito calor (um calor húmido) a roupa cola-se ao corpo ,estamos perto de passar o equador a esta velocidade passamos dia 2 de Fev. ás 00:30, dia 3 será a festa do Rei dos Mares.
Hoje deixo-vos uma carta enviada a todos os militares desta ilustre barca, pelo Ex 2ºMar."L" Moreno.

"A todos os militares da briosa que seguem a bordo da barca, que Poseidon vos conceda a sua graça e que Neptuno vos confira toda a sua deferência. Que Zeus vos seja benevolente, seja qual for o oceano que naveguem não permitindo que Eurus vos incomode.
Não será necessário frisar a honra que é navegar com as cores nacionais a adejar a popa, nem tão pouco o pundonor que é levar a cruz nascida da Ordem Suprema e Militar dos Pobres Cavaleiros de Cristo e do Templo de Salomão que matizam em todo o seu esplendor o pano da "Sagres", tal como à seculos atrás diferenciavam as caravelas lusitanas pelo mundo.
Ao Sr. Comandante, cai-lhe sobre os ombros a boa fortuna da guarnição e do navio, pesado fardo bravo Sr. e que seguramente o fará com ventura. Jamais se esqueça insigne comandante, o Navio Escola é o mais distinto navio da Marinha de Guerra Portuguesa, o melhor veleiro do mundo.
Usei o alcaixe com orgulho e como todo o marujo que navegou neste sempiterno emblema nacional que é a “Sagres”, não vos posso desejar com todo o coração e grandeza de alma uma boa jornada pois parte desse órgão torácico que me late no peito e essa que é a representação da consciência, caráter e sentimento ficou de maneira perenal por entre as anteparas da barca.
Camaradas, espero com toda a lhaneza, que a Pátria vos volte a ver a todos intácteis e que o saudoso abraço dos vossos entes queridos vos receba como os verdadeiros embaixadores que são deste Portugal cujos montes Viriato calcorreou, fronteiras que São Nuno de Santa Maria defendeu e feitos que Luís Vaz cantou.
"A PÁTRIA HONRAE........"